ALTER-EGO DO PETER PARKER

0
64
Alter-ego Peter Parker

Alter-ego é uma expressão que provem do latim “alter”, que significa outro, ou seja, um eu diferente, eu oculto…

O FILME

Lembro-me, por volta de 2002 ter assistido um filme Spider-men, criado pelo editor/escritor Stan Lee e pelo escritor/artista Steve Ditko, no qual o artista principal após ter sido mordido por uma aranha radioativa adquiriu super poderes, força e agilidade. 

Esses atributos, em princípio, foram utilizados em benefício próprio, da família e dos amigos mais próximos. Depois utilizados para enfrentar o mal e ajudar os menos favorecidos.

Assim, venceu o valentão da escola, ganhou o torneio de luta livre no qual estava o temível “serra osso”. 

Aos poucos ele teria aprendido sozinho que “com grande poder vem sempre uma grande responsabilidade”.

Esta frase foi incluída no ultimo painel da primeira história do Homem-Aranha, mais tarde atribuida retroativamente ao seu Tio Bem.

O HOMEM ARANHA

O Homem aranha é um dos super-herois mais populares e mais bem sucedidos comercialmente se constituindo num personagem símbolo aparecendo em inúmeras forma de mídias, várias séries de televisão animadas e ao vivo, jogos eletrônicos, em musicais e em uma série de filmes, passando a ser considerado como um dos maiores personagens de quadrinhos de todos os tempos e um dos mais populares de toda a ficção.

Foi concebido com o rosto encoberto para dar um certo ar de suspense, mistério e esconder a máscara da face.

ALTER-EGO DOS POLÍTICOS

Alter-ego é uma expressão que provem do latim “alter”, que significa outro, ou seja um eu diferente, eu oculto, pessoa alternativa.

Uma pessoa dotada de alter-ego, em uma análise estrita, é um “outro eu”, uma personalidade alternativa de alguém.

Em psicologia, uma pessoa dotada de alter-ego é alguém que leva uma vida dupla. O termo passou a ser usado no século XX quando o transtorno dissociativo de identidade foi descrito pelos psicólogos

O POLÍTICO E O ASPÉCTO INEBRIANTE DO PODER.

Diz-se que uma pessoa está inebriada (adjetivo de dois gêneros) quando está sob efeito de algo extasiante, embriagador, que entontece.

A riqueza, a beleza, a juventude, a fama, o prestígio, o poder são sem dúvida os que mais inebria o ser humano e o poder talvez seja o principal.

Há um ditado antigo, citado por José Sarney que diz: “Governo é como violino: você toma com a esquerda e toca com a direita”, com algumas poucas exceções.

O povo já está cansado de ouvir alguns políticos em campanha defendendo uma bandeira que agrada o próprio povo e após ser eleito passa a defender bandeira oposta.

Há registro nos meios de comunicação e internet em que político conhecido é eleito para cargo minoritário defendendo uma bandeira e quando alcança cargo majoritário passa a ser contra a essa mesma causa defendendo o interesse dos poderosos.

Em uma bela capital do centro oeste, um vereador defende na tribuna o equilíbrio entre cuidados da prevenção da pandemia mas sem comprometer a economia. Meses depois, ao ser galgado ao posto de Prefeito passou a publicar decreto restringindo o funcionamento do comércio mesmo sendo pressionado por comerciantes, empresários e centenas de pessoas em protesto na porta da sede do governo municipal e bloqueios de rodovia.

Grande porcentagem dos homens na busca do poder utiliza de diversos artifícios, se apresenta como o salvador da pátria, ataca adversários, apresenta propostas mirabolantes, se encosta em quem tem maior probabilidade de vencer e quando mordido pelo poder se transforma em um Super-Men.

Como o Homem-Aranha, começa a organizar a sua vida e até faz alguma coisa em benefício do povo mas diferentemente deste, logo mostra a que veio.

Na tentativa de ocupar espaço e destaque político, passa a tomar atitudes esdrúxulas atacando inescrupulosamente pessoas, acusando de erros que cometeram ou não; acusando de terem dito coisas que disseram ou não, criando notícias falsas entre verdadeiras, na tentativa de diminuir o adversário para tirar proveito próprio. E tome corrupção, tome Fake News.

E O POVO?

Enquanto isso, o povo pacífico, ordeiro e esperançoso que já sofre com a costumeira falta de saúde, educação, segurança passa a sofrer as consequências desses atos pagando caro por ter votado em candidatos escolhidos por entidades do mesmo naipe (partidos, associações.), pensando que é uma coisa e é outra. Percebem depois que as decisões que nem sempre correspondem com as suas (do povo), geram gastos desnecessários, brigas pessoais e partidárias de mau exemplo, gerando um fardo muito pesado para as famílias que embora morando mau, comendo mal, com segurança, saúde e educação deficientes, mas aparentemente felizes com sua família, filhos, seu pet, aguardam a chegada de, não um, mais vários Homens-Aranhá, capazes de enxergar que “grandes poderes vem sempre acompanhado de grandes responsabilidades.”

Mas é preciso entender que a responsabilidade é de todos. Não dá para ficar fazendo reuniões e festinhas por aí embora isso seja um problema micro e pontual. O momento não é esse. O momento é de prevenção e de seguir protocolos recomendados pelas autoridades da área da saúde.

Leia também: LEGADO, UMA MARCA A SER DEIXADA

PREVISÕES PARA O BRASIL

As fortes divergências políticas divulgadas diariamente na imprensa é um problema macro que precisa ser resolvido urgentemente na medida em que funciona como um grande entrave ao desenvolvimento do país. Isso é muito triste.

As previsões para o Brasil precisam ser mais positivas. Realizar as reformas da previdência e novas reformas no poder público, buscar mecanismos capazes de baixar as taxas de juros e mais solidariedade não só de todos os cidadãos mas também de nossas autoridades políticas, são medidas, dentre outras, que podem provocar urgentemente melhoras significativas capazes de reduzir a pobreza e o desemprego de milhares de trabalhadores.

Segundo números da Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) e divulgado pelo IBGE, a taxa de desemprego no Brasil em fevereiro a abril de 2020 foi de 12,8 milhões de Brasileiros em idade produtiva.

Com os governadores e prefeitos estabelecendo o lockdown, prendendo o povo em casa, impedidos de trabalhar, de ganhar o pão, de ter o sustento da família, decisões questionáveis de ministros, gerando descrédito e insegurança total entre as pessoas, o quadro vai ficando cada vez mais caótico.

Acaba de ser divulgado na imprensa que enquanto o governo do estado de Goiás divulga um decreto, o governo municipal divulga outro, desencontrado, deixando o povo cada vez mais confuso sem saber o que fazer.

Segundo o chefe do Ministério Público Aylton Vechi, “a solução é alinhar os decretos” e reforçou:” a intenção do MP-GO é resolver a questão por meio do diálogo e se não for encontrado uma solução recorrerá as instancias judiciais”.

Enquanto isso o povo começa a protestar e a desobedecer…

O povo é ordeiro, colaborador, trabalhador. Sempre está presente ao chamamento, participando, contribuindo, vacinando, pagando seus impostos… Frustradas, sofridas, desiludidas, cansadas, as pessoas vão perdendo a esperança e a paciência. As pessoas querem ser vacinadas, seguir protocolos para se proteger contra o Covid mas querem também trabalhar para ter o sustento da família e pagar aluguel, energia, água, impostos…

Frustradas, sofridas, desiludidas, cansadas e inseguras as pessoas vão perdendo a esperança e a paciência. .

Nos tempos de pandemia as vezes é necessário ser malabarista. Mas nem sempre e fácil. É mais fácil usar a boca para criticar do que as mãos para ajudar ou chegar a um entendimento.

O sociólogo Dr. Edgard Vasconcelos Barros, eminente professor da UFV-MG defendia a necessidade do trabalho conjunto e da harmonização de todos os setores vitais da sociedade como saúde, economia, segurança, educação, indústria, comércio, agricultura, pecuária, organizações políticas e sociais, igrejas dentre outras.

Todos unidos e com a benção do nosso bom Deus haveremos de alcançar a segurança e o bem estar que o as famílias e o povo tanto almeja.

Não podemos deixar que o medo supere a esperança.

Leia artigo sobre pets e curiosidades no site: Meu Pet Saudável.

Artigo anteriorE A COISA ESTÁ RUÇA! HAJA ADVERSIDADES!
Próximo artigoQUE LEGADO ESTOU CONSTRUINDO?
O Blog meu pet saudável foi criado pelo Médico Veterinário Aloízio Apoliano Cardozo, M.S. pela U.F.V. MG, pós graduação em Clínica Médica Cirúrgica de Pequenos Animais pela Qualittas, pós graduação em dermatologia pela Equalis e participação em vários eventos como Congresso, Simpósio, cursos, palestras , dentre outros, promovidos pela Qualittas e ANCLIVEPA. Atuou por diversos anos prestando Assistência Técnica e Extensão Rural, teórica e prática, com metodologia grupal, aos pecuaristas pela ACAR-GO (Associação de Crédito e Assistência Rural do Estado de Goiás) e EMATER-GO ( Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Goiás). É Diretor do Consultório Veterinário Popular e proprietário de uma loja de Produtos Veterinários: medicamentos, rações, vacinas e acessórios diversos para pet. Trabalhou como voluntário plantonista no Centro de Valorização da Vida (CVV) e no Hospital das Clínicas(HC) da UFG, fazendo palestras para os pacientes, sobre estilo de vida, alimentação saudável e mensagens musicais; participou de vários cursos de dança de salão com professores Jaime Aroxa e Carlinhos de Jesus; foi fundador da Academia de Dança Bolero Passos e Compassos: ministrou curso de dança de salão para pessoas carentes na Paróquia São francisco de Assis contribuindo para um crescimento físico, moral e espiritual. É sócio da Associação Nacional de Clínicos de Pequenos Animais e possuidor do selo de qualidade ANCLIVEPA -BRASIL.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui