É POSSÍVEL UMA CADELA OU GATA CASTRADA ENTRAR NO CIO?

0
25

Uma pessoa do Estado da Bahia me relatou que sua irmã tem uma cadela que entrou no cio alguns meses após ser castrada e perguntou: “Isso é possível?”

Esse fato serviu de inspiração para escrever esse artigo, passar conhecimentos e tirar dúvidas de tutores e proprietários de PETS.

 É possível uma cadela ou gata castrada entrar no cio? Sim, é possível.

Mas, depois de castrada a cadela ou gata não deveria entrar no cio.

POR QUE ISSO ACONTECE?

Por que o cio aparece na fêmea mesmo sendo castrada?

O cio acontece porque a cadela pode estar com um problema chamado síndrome do ovário remanescente (SCHIOCHET et al., 2007)

O animal pode até apresentar boa constituição física com os parâmetros e as funções vitais dentro da normalidade.

A presença dessa síndrome acontece em função de  uma  complicação pós operatória.

Mas pode ser outro problema que em geral compromete os parâmetros e as funções vitais.

O controle populacional e o controle de doenças do sistema reprodutor é utilizado através da esterilização. Os métodos mais utilizados na esterilização de fêmeas são dois.

1-Ovariohistrerectomia(OSH)

2-Ovariectomia

No primeiro procedimento são extraídos os ovários e os cornos uterinos juntamente com o útero.

No segundo procedimento são extraídos apenas os ovários.

Esses procedimentos são pouco invasivos com baixos riscos associados. Há no entanto, registros de ocorrência de complicações decorrentes da OSH como por exemplo hemorragias, piometra de colo uterino e síndrome do ovário remanescente (SOR).

Quando realizado por um profissional experiente, a cadela ou gata não entra mais no cio nem pode ficar grávida.

O QUE FAZER?

Se a cadela ou gata é castrada e está apresentando sintomas do cio deve ser levada ao Médico Veterinário para uma análise clínica, diagnóstico e tratamento.

Há a possibilidade de que a cadela apresente a chamada síndrome do resto ovárico ou síndrome do ovário remanescente,

Os sinais são os mesmos de quando está no cio.

, Aumento do volume da vulva

. Atrai os machos

. Secreção vaginal  sanguinolento

. Aceitação do macho para a cópula

. Alterações no comportamento.

A manifestação desses sintomas ou alguns deles, pode significar a síndrome do resto ovárico mas isso não exclui outras possibilidades.

As vezes o sangramento da cadela castrada pode ser um problema do aparelho reprodutivo  como piometra ou problema urinário como nefrite.

A síndrome do ovário remanescente (SOR) pode ocorrer em cadelas, gatas e em mulheres sendo nestas mais comum.

O surgimento do cio devido a SOR ocorre pela presença de um fragmento de um tecido ovárico dentro da cavidade abdominal ou dentro dos ligamentos ováricos.

 O fragmento devido a sua grande capacidade de revascularização pode  entrar em funcionamento provocando os sintomas semelhantes ao cio, aumentando consideravelmente o risco de tumores mamário, neoplasias, piometra uterina.

                        Gatinha com tumor mamário

Portanto, assim que notar esses sintomas é aconselhável levar a cadela ou gata ao Médico Veterinário para exame clínico, descartando outras possíbilidades  de diagnósticos com sintomas semelhantes como vaginite, neoplasias, piometra, problemas desencadeado por uso de medicamentos hormonais (vacina ante cio) dentre outros.

O Médico Veterinário faz um exame físico completo, observa os sinais clínicos e realiza algumas provas sendo a citologia vaginal o método mais utilizado.

Pode fazer uso também da vaginoscopia, do ultrassom e algumas provas hormonais conforme a conveniência.

TRATAMENTO

O tratamento usual consista de cirurgia através de uma laparatomia  exploratória  para a retirado do pedacinho de ovário que está desencadeando esses sintomas e para isso é preferível que a cadela esteja em estro ou diestro porque é mais fácil visualizar  e extrair o pedaço do tecido (OLIVEIRA et al. , 2012)

PREVENÇÃO.

A prevenção é feita através da realização de uma boa técnica cirúrgica por um profissional experiente.

Mas mesmo que a cirurgia seja perfeita deve-se ressaltar a existência de outra possibilidade que pode ocorrer durante o desenvolvimento embrionário.

Nessa fase as células que geram óvulos podem  migrar para outros locais longe dos ovários e quando a cadela já adulta pode desenvolver e gerar essa síndrome.

É portanto um caso que deve ser cuidadosamente analisado.

Muito obrigado.

Para mais assuntos sobre PET e curiosidades acesse o site:

www.meupetsaudavel.com  e adquira meu livro:

COMO CONSERVAR SEU PET FORTE E SAUDAVEL.

Artigo anteriorAbuso de autoridade policial contra Advogado.
Próximo artigoQUIMERISMO. SAIBA O QUE É
O Blog meu pet saudável foi criado pelo Médico Veterinário Aloízio Apoliano Cardozo, M.S. pela U.F.V. MG, pós graduação em Clínica Médica Cirúrgica de Pequenos Animais pela Qualittas, pós graduação em dermatologia pela Equalis e participação em vários eventos como Congresso, Simpósio, cursos, palestras , dentre outros, promovidos pela Qualittas e ANCLIVEPA. Atuou por diversos anos prestando Assistência Técnica e Extensão Rural, teórica e prática, com metodologia grupal, aos pecuaristas pela ACAR-GO (Associação de Crédito e Assistência Rural do Estado de Goiás) e EMATER-GO ( Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Goiás). É Diretor do Consultório Veterinário Popular e proprietário de uma loja de Produtos Veterinários: medicamentos, rações, vacinas e acessórios diversos para pet. Trabalhou como voluntário plantonista no Centro de Valorização da Vida (CVV) e no Hospital das Clínicas(HC) da UFG, fazendo palestras para os pacientes, sobre estilo de vida, alimentação saudável e mensagens musicais; participou de vários cursos de dança de salão com professores Jaime Aroxa e Carlinhos de Jesus; foi fundador da Academia de Dança Bolero Passos e Compassos: ministrou curso de dança de salão para pessoas carentes na Paróquia São francisco de Assis contribuindo para um crescimento físico, moral e espiritual. É sócio da Associação Nacional de Clínicos de Pequenos Animais e possuidor do selo de qualidade ANCLIVEPA -BRASIL.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui